Regularização de Notas de Crédito e Notas de Créditos/Devolução

Nesta nova versão Gestix 6.1, é possível regularizar as notas de créditos e notas de crédito/devolução de uma maneira mais simples e prática.

Bastando apenas o preenchimento de  um campo de pagamento no próprio documento, sem a necessidade de fazer um recibo dessa mesma nota de crédito.

Assista o vídeo em nosso canal no Youtube, caso continue com dúvidas, contacte-nos.

Estaremos sempre a disposição para ajudar.

Personalizar mail de envio de recibo no Gestix Enterprise

Ao enviar um documento por email, o Gestix utiliza um texto padrão composto dois blocos, o texto principal e o texto final (a área de cumprimentos/assinatura). O menu Admin > Texto permite configurar o texto padrão.

Screen Shot 2018-10-14 at 13.11.15.png

Neste menu, ao definir um novo registo para texto padrão identificado por SENDMAIL no campo relatório, personaliza o mail utilizado para todos os documentos.

Para personalizar o texto de uma série específica, definir um novo registo para texto padrão identificado pelo código dessa série em vez de SENDMAIL.

Screen Shot 2018-10-14 at 13.11.03.png

Por exemplo, para uma série FAT – Fatura, introduzir FAT no campo relatório, para personalizar o mail utilizado apenas para os documentos desta série FAT.

 

A nova lei de proteção de dados – RGPD – questões frequentes

Regime Geral de Proteção de Dados – RGPD, a nova lei de proteção de dados

Com a entrada em vigor do RGPD, a 25 de Maio de 2018, são conferidos direitos específicos ao cidadão em geral no que respeita à recolha e utilização dos seus dados pessoais.

Este artigo de mera opinião não tem caráter legal, apenas visa destacar as principais novidades que a entrada em vigor desta lei traz, no âmbito da utilização do Gestix ERP CRM (Software). Deve consultar os organismos oficiais ou  entidades competentes credenciadas para informação ou orientação específica nesta matéria.

Quais as principais implicações do RGPD para uma pequena organização?

A recolha de dados pessoais deve ser feita estritamente para efeitos legais e garantir que é efetuada de forma transparente. Por exemplo, a indicação do nome, morada e número de contribuinte na emissão de uma fatura.

Os dados assim recolhidos não devem ser utilizados para quaisquer outros fins sem o claro e explícito consentimento do titular desses dados.

O consentimento do titular dos dados deve ser feito de forma inequívoca e através de declaração ou ação afirmativa (Opt-in).

A organização deve ter a sua política de privacidade disponível para consulta, designadamente no que respeita a atividades relacionadas com os dados pessoais recolhidos.

O titular tem direito a alterar o seu consentimento, a solicitar a consulta, alteração e mesmo a eliminação dos seus dados pessoais.

Quando possua sites, lojas online, participação em redes sociais, processamento de mailings, inquéritos, entre outras atividades, a organização deve tomar medidas específicas no âmbito do RGPD.

Quais os dados considerados pessoais?

Os dados utilizados para efeitos de identificação, por exemplo, nome, número de contribuinte, e número do cartão de cidadão, não são geralmente considerados dados pessoais sensíveis, exceto quando associados a informação de caráter pessoal. Se estiverem associados a dados sobre o estado de saúde do titular, preferências de consumo, religiosas ou de outro caráter, já podem ser alvo dos critérios do RGPD.

Há impacto sobre as faturas produzidas Software?

Em geral, não existe necessidade de alteração específica ao nível da informação presente nos documentos fiscais/logísticos. A entidade apenas terá de se preocupar com esta questão quando inclua na fatura dados pessoais tais como estado de saúde, operações médicas ou análises clínicas, opções de caráter político, de consumo, etc. Nesse caso será importante incluir a declaração de privacidade de forma explícita.

E os dados que recolho para o Software?

Quando haja recolha e registo no software de dados pessoais abrangidos pelo RGPD, a organização deve ter em conta os seus deveres no âmbito desta lei, e considerar assim os direitos que os titulares desses dados tenham relativamente à consulta, alteração, e eliminação dos mesmos.

Por exemplo, um cliente poderá solicitar a consulta dos dados. Pode ser fornecida uma impressão do ecrã da consulta no software, para apresentação ao cliente. No caso de exigência de alteração ou eliminação, a organização deve proceder a essa operação,  mostrando nova impressão após efetuada.

E se eu tiver muitos dados sensíveis armazenados no Software?

No caso de necessidade de tratamento em massa deste tipo de situações, consulte a Gestix sobre as ferramentas modulares opcionais disponíveis para o efeito.

Pode ser exigida a eliminação de dados fiscais do programa de faturação?

O direito ao esquecimento não deve abranger dados fiscais obrigatórios para efeitos de direitos ou deveres fiscais, tais como nome, morada e NIF no caso da faturação, pelo menos durante o período em que é obrigatória por lei a manutenção do arquivo fiscal (10 anos).

Na data em que este artigo é publicado, aguarda-se com expectativa eventuais tomadas de posição da Autoridade Tributária relativamente ao impacto do RGPD ao nível dos dados ficais, designadamente os incluídos no ficheiro SAF-T, entre outros relatórios e formulários oficiais.

Controlar a Dívida de Cliente: Limite de Crédito

O Gestix permite gerir a dívida de cada cliente de forma personalizada. Na ficha do cliente, a secção Limite de Crédito, permite atribuir um limite da dívida em moeda e em prazo (dias).

Screen Shot 2018-02-20 at 19.01.33.png

1. Limite de Crédito

Coloque um visto para ativar o controlo da dívida do cliente

2. Valor em Moeda

Coloque o valor máximo de dívida antes de o sistema impedir mais faturação. O valor zero não permite fazer faturas a crédito.

3. Dias de Crédito

Coloque o número de dias máximo que o cliente tem para pagar faturas em dívida. Se a fatura em dívida tiver mais do que aqueles dias, o sistema não deixa fazer mais faturas a crédito.

O Gestix permite assim, de forma simples, controlar o endividamento dos clientes de forma sistematizada. Os operadores comuns podem registar guias de remessa e/ou faturas até ao limite definido pela Gestão. Uma vez atingido esse limite, seja em montante seja em prazo, o sistema impede o envio de mercadoria/serviços quer por guias de remessa quer por faturas a crédito.

 

Gestix ERP CRM since 1986 on Earth, 2004 on the Cloud

Gestix: to manage is the key, to invoice is a joy

https://www.youtube.com/channel/UC6Fjo-yGM3hBp6Go-Hl55tg

Multi-level Budget / Financial Planning
Checking accounts (Banks)
Department and branch management
Customer Relationship Management (CRM)
Project billing and costing advanced
Easy to operate POS Touch-Screen
Management of warehouse and storage location
Inventory management advanced
Electronic Transmission of Inventory
Sales Force Access Control
Team and follow up tasks management
Production costing and manufacturing
After Sale Customer Support / Repairs / RMA
Suppliers RMA
Product Traceability Batch / Lot and validity period control
Guarantee/Warranty control by Serial Number / IMEI / Chassis number
Shipment API (DHL, Chronopost, etc)
Invoicing and customer accounts
Automated processing of outstanding bills
Automated billing of contracts/fees
Automated electronic transmission of documents
Direct e-mailing of documents
Automatic pricing and discount by product/customer
Bulk document import
Online Store Integration API
EDI – Electronic Document Interchange
Online and ATM Payment Gateways
Dashboard and global search
Full Multi-Language
Role-based access control to functions and data
Rated simultaneous users
Certified for VAT, IVA, GST, Stamp Duty and Eco taxes
Optional LDAP based user authentication

 

Motivos de isenção Artigo 9º do CIVA

Isenção de IVA ao abrigo do Art. 9º

Profissionais e atividades profissionais abrangidas pela isenção de IVA (Artº 9º)

Médicos
Odontologistas
Enfermeiros
Parteiros
Anestesistas
Proteses
Atores
Chefes de orquestra
Músicos
Desportistas
Profissionais de Saúde diversos

Atividades abrangidas (consultar Contabilista Certificado ou Finanças)

Transmissões de órgãos
Transmissão de sangue e leite humanos
Atividades públicas de rádio e televisão
Serviços médicos, sanitários proporcionados por entidades acreditadas como clínicas e hospitais
Serviços de segurança social
Aluguer de cofres
Assistência social
Serviços de Alojamento
Serviços Fúnebres diversos
Serviço público de remoção de resíduosServiços de Creches
Jardins-de-infância
Serviços de ATL tempos livres, Lares e estabelecimentos para Crianças, Jovens e Idosos
Arrendamento de imóveis
Ambulâncias de transporte de doentes e/ou feridos
Visitas a bibliotecas
Visitas a castelos, palácios e outros monumentos classificados

Consulte a Base legal Artigo 9º do CIVA

Visite gestix.pt

 

Faturas de Consignação

A entrega de mercadorias à consignação é uma transmissão de bens em que a liquidação do IVA fica suspensa até ao momento em que as mercadorias são vendidas pelo consignatário ao adquirente, ou até ao fim do prazo de um ano, desde a data da fatura de consignação, o que ocorrer primeiro.

Screen Shot 2017-11-14 at 20.19.49

Assim, dentro de 5 dias úteis a contar do envio das mercadorias à consignação, o consignante deverá emitir a fatura de consignação. Desta deve constar a informação IVA não sujeito ou não tributado (M99).

O consignatário transmite ao fornecedor a relação de mercadorias vendidos com referência à fatura de consignação em que se encontram abrangidos.

O consignatário emitirá então uma fatura ao consignatário, com referência à respetiva fatura de consignação, das mercadorias respetivas.

O consignatário pode também registar uma ou mais guias de devolução de forma associada a uma fatura de consignação. No final do prazo de um ano após emissão da fatura de consignação, o total dos bens deverão ter sido alvo ou de faturação final, sujeita a IVA, ou de devolução.

O Gestix permite gerir de forma visual e analítica o estado das guias de consignação.

Screen Shot 2017-11-14 at 20.22.41

Fluxo de operação:

1) envio da mercadoria à consignação, pelo consignante, ao consignatário, acompanhada de:
a) fatura de consignação (CONS),
ou de:
b) guia de transporte (GT), a qual dá origem a fatura de consignação (CONS) (prazo 5 dias úteis)
2) emitir fatura(s) dos bens vendidos ao adquirente, que pode ser de parte ou totalidade da CONS.
 
3) emitir guia(s) de devolução (DEV) dando entrada dos bens eventualmente retornados pelo consignatário ao emissor. Podem estas DEV ser de parte ou da totalidade da CONS.
 
4) Utilizar o mapa Clientes / Consignações para controlar a situação de consignações pendentes
Screen Shot 2017-11-14 at 20.20.34
Referências:

Informações: suporte@gestix.com

 

Regime de IVA por Margem de Lucro

Regime da Margem de Lucro

O Regime de IVA por Margem de Lucro está previsto na lei para Galerias de Arte, Bens em 2ª mão, etc.

  • Regime da margem de lucro – Bens em segunda mão

  • Regime da margem de lucro – Objetos de arte

  • Regime da margem de lucro – Objetos de coleção e antiguidades

  • Regime da margem de lucro – Agências de viagens

O Gestix foi o primeiro software de faturação certificado a tratar esta modalidade de IVA sendo um sistema ERP CRM bastante completo e versátil.

Como funciona o regime especial de IVA por margem de lucro?

Ao optar por este regime, o artigo está na mesma sujeito a IVA mas o mesmo não é apresentado na fatura, não dando direito a dedução.

No regime geral, o imposto é calculado com base no valor da venda. No regime por margem de lucro, o imposto é calculado com base na margem bruta da venda, por forma a não dar origem a “dupla tributação”. Isto é, se o artigo já pagou IVA na venda em “novo”, agora apenas é taxado o montante do lucro bruto.

Mais informação: Guia Regime de IVA de Margem de Lucro

Screen Shot 2017-11-13 at 16.28.08

No menu Admin / Definições, entre as várias opções de ordem fiscal, encontra-se a possibilidade de habilitar o regime especial, colocando um visto no campo “Tratar regime de IVA para Obras e Arte e Bens em 2ª Mão”. Esta opção é comum às restantes situações de Regime de Margem de Lucro.

Screen Shot 2017-11-13 at 16.52.35